Ter. Out 27th, 2020

Tudo sobre o Karting de competição

José Barros Prossegue Aprendizagem na Categoria Júnior

2 min read

 

José Barros esteve no passado fim de semana no Kartódromo Internacional da Região Oeste para a disputa da primeira etapa do Campeonato de Portugal de Karting KIA. Aos comandos de um Kosmic da Dino Motorsport, o jovem portuense prosseguiu na pista do Bombarral a aprendizagem na Júnior, disputando apenas a sua terceira prova numa das mais competitivas categorias do karting de competição.

No sábado, nos treinos cronometrados, José Barros garantiu o oitavo melhor tempo, marcando a sua melhor volta em 48”327s, marca que o deixava a 0”348s da pole position, numa sessão em que os primeiros 12 dos 15 participantes ficaram dentro do mesmo segundo.

Á tarde, na primeira manga de qualificação, José Barros concretizou a sua melhor prestação do fim de semana, ao ser 5º classificado. O piloto saiu da 3ª linha da grelha de partida (5º) tempo e revelou um andamento forte no Kosmic, para superar adversários e concluir no top cinco.

No Domingo, o dia foi bastante diferente para as ambições do piloto do Porto, que acabou por ter imensos problemas nas duas corridas disputadas. Na segunda manga de qualificação, José Barros tornou a estar muito forte, acabando no entanto, por se ver envolvido em toques com adversários, que afetaram a carenagem frontal do seu Kosmic e vieram a causar uma penalização de cinco segundos, somada ao seu tempo final. Ainda assim, conseguiu concluir no 10º lugar.

Á tarde, na Final, o piloto foi tocado por um adversário na partida e desde logo se atrasou na prova. O seu espírito combativo fez com que encetasse uma boa recuperação, mas no Final os danos na carenagem frontal do seu Kosmic tornaram a causar uma penalização de cinco segundos, que o atirou para o 11º lugar.

“Do meu fim de semana no Bombarral, extraio como bastante positivos os dias de sexta e sábado, em que fiz 5º nos treinos cronometrados. Na sexta treinámos bastante e preparámos bem o kart para o fim de semana” , disse José Barros. “No domingo, acabei por ter azar nas duas corridas, na primeira em que acabei por ter problemas com alguns toques e depois na segunda, apesar não ter baixado os braços e ir em busca de um bom resultado, acabei por sofrer um toque na partida e isso condicionou-me, embora até ao fim tenha dado o meu melhor. Acabei por ter uma penalização por danos na carenagem frontal do meu kart. Acho que a organização tem que ter mais atenção aos pilotos que pressionados por adversários fazem ‘travadelas’ nos karts para causar toques que causam danos na carenagem frontal.”

Texto: ©ComuniKart
Fotos: ©ComuniKart/VVL Sport Image

Translate »
error

Gostou do nosso trabalho? Por favor, partilhe :)

LinkedIn
Share
Ir para a barra de ferramentas