Ir para a barra de ferramentas
Dezembro 4, 2020

Tudo sobre o Karting de competição

Birel ART: Camara Dá o Mote Para a Super Master Series Com Vitória em Adria

3 min read

 

Foi com uma estrutura bastante reduzida que a equipa viajou até Adria no início do mês de fevereiro. Ao fato de as categorias KZ e KZ2 não serem contempladas na primeira etapa da WSK Super Master Series, acrescentou-se ainda a situação de nem todos os pilotos da equipa estarem prontos para competir nesta altura do ano. O tempo não ajudou durante os três dias do evento, o que se traduziu em pouca aderência na pista, constantemente molhada e com temperaturas bastante baixas no asfalto, tendo sido assim até às Pré-Finais.

No entanto, apesar das circunstâncias serem muitas vezes desfavoráveis, a qualidade dos chassis Birel ART e dos motores TM Racing, entregues a vários preparadores, demonstraram enorme potencial e boas performances. Sem dúvida, no ano do seu 60º aniversário, a marca de Lissone mostra força e ambição para atingir os objetivos traçados.

Rafael Camara (Foto: Oficial)

Camara Vence Com Brio

Recém chegado ao Birel ART Júnior Team, gerido por Giorgio Pantano, o brasileiro Rafael Camara foi capaz de extrair o máximo de performance do seu novo equipamento na OK Júnior, o que deixou a sua equipa bastante satisfeita. Com efeito, a notável prestação do brasileiro no primeiro evento do ano permitiu aos técnicos da Birel ART recolher o máximo possível de dados, para prosseguir esta fase que é ainda de desenvolvimento. Depois de um Qualifying bastante equilibrado, Camara foi capaz de elevar a fasquia nas mangas de qualificação, conseguindo traduzir o seu desempenho em constantes classificações dentro do top três, muitas vezes adicionando ao resultado a obtenção da volta mais rápida da corrida. Chegando a sábado à noite no top dois, o brasileiro venceu no Domingo de manhã a Pré-Final B, para depois ‘colocar a cereja no topo do bolo’, ao conquistar a Final, sobrepondo-se a uma concorrência bastante determinada.

Também inserido na equipa, o italiano Lorenzo Ressico D’Aloisio, esteve em bom plano durante o fim de semana, acabando no entanto por ver a sua progressão condicionada por algumas penalizações de bico. Tal fato não o viria ainda assim a impedir de concluir a Pré-Final A na terceira posição. Na Final, inicialmente bem posicionado no top cinco, Lorenzo acabou vítima da agressividade de alguma da sua concorrência, acabando por cair na classificação até estabilizar no 15º lugar.

Em estreia na categoria OK Júnior, Cristian Bertucca, enfrentou uma prova muito difícil. Em virtude das condições que o tempo criou para a prova de Adria, não foi fácil para o italiano assimilar os parâmetros desta categoria durante as competitivas corridas realizadas. Ainda assim, Bertucca ficou a um pequeno passo de garantir um lugar na Final, algo que teria sido conseguido, se não tivesse sido alvo de uma penalização.

Luigi Coluccio (Foto: WSK Promotion/Press.net Images)

Coluccio Com Um Top 10 ‘À Vista’

Único representante da equipa na categoria OK, Luigi Coluccio exibiu-se a bom nível na primeira fase do evento, constantemente visitada pela chuva e frio. Na Final, já com a pista praticamente seca, o italiano rapidamente se posicionou no top 10, para chegar ao 9º lugar, após ganhar 11 posições. Na penúltima volta, acabou por não evitar um toque na disputa de posições, caindo três lugares.

Progresso na 60 Mini Apesar da Chuva

O início da temporada colocou rapidamente os pilotos da 60 Mini Júnior Team sob intensa competitividade. Apesar de terem efetuado o Qualifying mal posicionados no ranking de pilotos, enfrentaram com empenho as fases de qualificação, sob condições bastante difíceis. A experiência que ‘angariaram’ nesta primeira fase da etapa, acabou por lhes ser útil para ir subindo de forma progressiva nas Pré-Finais.

“Não foi um fim de semana fácil” , disse Ronni Sala, Presidente da Birel ART. “Mas este evento foi bastante didático, dando-nos a satisfação de concluir com uma vitória na OK Júnior. Quero por isso felicitar o Rafael Camara, pela sua brilhante gestão da corrida. Este tipo de sucesso incrementa muito a confiança no futuro dentro de toda a equipa. Ao mesmo tempo, dá-nos ótimas indicações sobre qual o caminho que devemos seguir na nossa preparação.”

Texto: Birel ART
Tradução: ©André Maurício
Foto: ©KSP Photo Agency

Translate »
error

Gostou do nosso trabalho? Por favor, partilhe :)

LinkedIn
Share