Ir para a barra de ferramentas
Dezembro 4, 2020

Tudo sobre o Karting de competição

Guillermo Pernia Mostra A Sua Fibra e Traz Pontos de Baltar

2 min read

 

Guillermo Pernia esteve no passado fim de semana a competir uma vez mais na categoria Mini-Max do Troféu Rotax, Naquela que foi a 3ª jornada dupla desta competição organizada pela Korridas, o piloto espanhol voltou a competir com equipamento Tonykart, enquanto aguarda novo e mais competitivo material da Top-Kart, que lhe permita estar ao mais alto nível competitivo da categoria.

No sábado, Guillermo Pernia começou por assegurar o 3º melhor tempo cronometrado, com uma volta em 51.280s, que o deixou a apenas 0.430s da pole position. Na Corrida 1, o ‘espartano’ esteve forte, conseguindo mesmo a melhor classificação do fim de semana, garantindo o 2º lugar. A Corrida 2 prometia bastante, mas acabou por não correr bem ao madrileno, que foi vítima de um toque de um adversário, acabando por terminar a prova apenas no 8º lugar. Na soma das duas corridas, foi 4º.

No Domingo, em nova jornada da competição, Guillermo Pernia foi 7º nos treinos cronometrados, mas depois esteve sempre em crescendo nas corridas, onde garantiu por duas vezes o 4º lugar, sempre através de provas de recuperação, pois de ambas saiu do 7º lugar. Na soma das duas corridas, garantiu a 4ª posição.

“Foi mais uma etapa dura no Troféu Rotax, para a qual trabalhámos bastante, as coisas até começaram bem, com um bom resultado na primeira corrida de sábado, mas depois na outra corrida fomos literalmente ‘jogados fora’ quando íamos em 2º, mas pronto, são coisas das corridas e o outro piloto foi penalizado”, disse Nuno Maia, preparador de Guillermo Pernia. “No Domingo, nos treinos cronometrados tivemos uma avaria mecânica, um cubo que se soltou do eixo e comprometeu a performance do Guillermo, no entanto nas duas mangas ele fez boas corridas de recuperação, sempre saindo de 7º e terminando no top quatro, o que foi bastante positivo. Esta categoria tem 4, 5 pilotos de altíssimo nível, por isso o desempenho do Guillermo, que é um desses pilotos, foi muito bom.”

Nesta prova, o piloto espanhol voltou a sentar-se aos comandos de um Tonykart, ele que é piloto oficial Top-Kart Ibérica. Sobre esse fato, Nuno Maia disse, “Nesta corrida, tomámos a opção de correr com a marca Tonykart, enquanto aguardamos a chegada do novo modelo de chassis da Top-Kart, que iremos testar, no sentido de dar continuidade a esta nova parceria com a fábrica e com a Top-Kart Ibérica.”

Texto: ©ComuniKart
Fotos: ComuniKart/VVL Sport Image

Translate »
error

Gostou do nosso trabalho? Por favor, partilhe :)

LinkedIn
Share